Menu

História da Escola


Introdução

Vamos inicialmente nos remeter ao ano de 1966...

O muro de Berlim dividia o mundo em dois. O Brasil, sem democracia, sofria uma ditadura militar.

Neste contexto, um simple2016 - 50 ANOSs Funcionário Público, o professor José Gomes da Silva, movido pelo sonho de educar e formar cidadãos, cria então o GINÁSIO E ESCOLA NORMAL CÔNEGO FERNANDO PASSOS a 25 de agosto do referido ano. 

Qual a misteriosa força que depôs governos, derrubou muros que dividiam o mundo, transformou crianças em homens e fez da ficção realidade?

Essa força suprema e misteriosa, que tudo pode, se manifesta através da inteligência humana. O homem, por conter em si esta dádiva divina, a inteligência, pode criar o que não existe, transformar o que existe, fazer da imaginação realidade e, da mais dura realidade, pura poesia.

Temos a certeza de que muita poesia e conhecimento foram produzidos ao longo destes quase 50 anos de caminhada e de que muito mais, ainda está por vir. Momentos e situações desafiadoras serviram como propulsoras para todo o sucesso que conquistamos ao longo dos anos, contribuindo grandemente para a educação de milhares de cidadãos, ensinados pelo exemplo diário, que alguns valores são eternos: Amor, honestidade, justiça, trabalho, persistência na busca da perfeição, continuam para nós tão atuais e importantes hoje, como sempre foram, sendo portanto, primordiais num processo educativo em que se busca a qualidade.

Uma história de 50 anosLogomarca Comemorativa

Criada por um simples Funcionário Público, A ESCOLA CÔNEGO FERNANDO PASSOS teve sua fundação oficializada em 25 de agosto de 1966, quando da publicação do Diário Oficial de Pernambuco.

Em virtude do planejamento das comemorações alusivas ao 50º Aniversário da Escola a ser celebrado em 2016, um ano antes, a pedido  das diretoras Conceição Marques e Sônia Cavalcanti, o ex-aluno e professor Cláudio Víctor Amorim de Azevedo Ferraz, cria a logomarca comemorativa oficial, reafirmando na concepção das formas empregadas, os ideais que sempre nortearam a prática pedagógica da escola. (Clique aqui e compreenda o significado!) 

 

Fundador

José Gomes da Silva

 

José GomesJosé Gomes da Silva, nascido em 14 de abril de 1928, natural de Limoeiro/PE, filho de Manoel Gomes da Silva e Iluminata Gomes da Silva, com formação de Técnico de Contabilidade, cursado no Ginásio de Limoeiro, era pessoa de grande simplicidade e gestos humildes servindo com dedicação e amor à causa educacional.

Enfrentando grandes obstáculos e dificuldades, sem recursos financeiros necessários para montar a infra-estrutura da escola, o abnegado e corajoso José Gomes da Silva fundou a Escola denominando-a GINÁSIO E ESCOLA NORMAL CÔNEGO FERNANDO PASSOS.

Devido à inexistência de recursos, a falta de ajuda das autoridades e a fragilidade de sua criação, não teve seu fundador condições de construir sua sede o que lhe rendeu muitos dissabores como no momento em que recebeu a comunicação de que a renovação do contrato de locação para continuar funcionando na Escolas Reunidas Centro Educativo São José não seria possível, deixando-a a mercê de quem queria ceder-lhe um lugar.

Lutador incansável exerceu também a função de Professor Educador nato, mas sem habilidade para administrar, José Gomes da Silva morreu em 08 janeiro de 1973, um mês após a concretização do seu sonho, quando a escola formou dezoito professoras.

 

Patrono

Cônego Fernando Passos

 

A merecida homenagem não poderia deixar de ser a quem dedicou 40 anos de sua vida ao sacerdócio. Clique aqui e conheça a Biografia do Cônego Fernando Passos.


Sedes Provisórias

  1. Grupo Escolar Dr. Sérgio Magalhães (1966/1967) - Situado à Rua Dr. José Cordeiro - Limoeiro/PE, sendo a autorização de seu funcionamento por tempo indeterminado no referido Grupo, dada pelo Prefeito Adauto Heráclio Duarte, através de Ofício nº 88/66 de 22 de novembro de 1966 da Prefeitura Municipal do Limoeiro.SEDE ATUAL
  2. Escolas Reunidas Centro Educativo São José (1968) - Entidade pertencente à Obra Social Santa Izabel - OSSI
  3. Escola Austro Costa (1969) - Situada no Alto de São Sebastião - Limoeiro/PE
  4. Escola Morais e Silva (1970/1981)- Situada à Avenida Dr. Severino Pinheiro – Limoeiro/PE.
  5. Finalmente em 1982 a Escola consegue definitivamente a sede que tanto desejava à Rua Vigário Joaquim Pinto, 105 - Limoeiro/PE.

Cursos

Secundários (1ª à 4ª Série Ginasial)

1966 - No ano de Fundação o Colégio apenas funcionou o curso de Admissão ao 1º Ano GINASIAL, exame obrigatório para ingresso no Ginasial.

Solicitação de autorização conforme Ofício nº 003/66 à Secretaria de Educação de Pernambuco, sendo nesse período Secretário de Educação o Professor José Brasileiro Vila Nova.

1967 - De acordo com o Ato do Governador nº 4226 de 31 de julho de 1967, publicado no D.O. de 01 de agosto de 1967, a Escola tem autorização de funcionamento do Curso Ginasial. A Escola inicia com duas turmas de 1ª Série Ginasial.

Médio (1ª à 3ª Série Pedagógica)

1970 - É solicitado à Secretaria de Educação e Cultura de Pernambuco autorização para funcionamento de 1ª Série do Curso Pedagógico, conforme Ofício da Escola de 29 de dezembro de 1969, sendo Secretário de Educação, na época, Dr. Roberto Magalhães Melo. Denominando-se a Escola de GINÁSIO E ESCOLA NORMAL CÔNEGO FERNADO PASSOS;
Curso que trouxe oportunidade a grande número de alunas que não tinha condições de estudar durante o dia, estendendo-se esse benefício a alunas de municípios vizinhos como Bom Jardim, Surubim, Carpina, Passira, etc., trazendo novas perspectivas culturais a essa gente.

1972 - Funcionamento do Curso de Aperfeiçoamento Pedagógico (4º Ano Pedagógico) autorizado conforme Portaria 208 de 28 de setembro de 1972. Depois de tantas lutas e dificuldades a Escola forma a primeira turma de Professorandas, entregando à sociedade suas primeiras educadoras.

João MarquesA preparação desses profissionais estendeu-se até 1990, quando se deu a extinção do Curso de Magistério, em virtude das dificuldades que vinham enfrentando as Escolas Particulares.

1978 - Através da Portaria 609 de 02 de março de 1978, publicada no D.O. de 13 de julho de 1978, os Cursos de 1º e 2º Graus são regularizados, retroagindo seus efeitos a partir de 1º de janeiro de 1976.

1981- Funcionou apenas o 2º grau.

1982 - Funcionando em sua própria sede, com apenas o Curso de Magistério. A partir daí a Escola entra em uma nova fase. Em mãos de novos proprietários, passam a ser Mantenedor Dr. João Marques da Silva e Diretora Pedagógica Matilde Marques da Silva.

Pré-Escolar

1983 - O Pré-Escolar é implantado pela então diretora, utilizando o Método Educacional Montessoriano. Sua autorização dá-se pela Portaria 205 de 07 de junho do mesmo ano.

1984 - Maria da Conceição Marques da Silva assume a direção da Escola Cônego Fernando Passos.

Gestão Atual

Conceição

 - Gestora Geral e Administrativa

Desde 1984 a Diretora Maria da Conceição Marques da Silva, graduada em Educação Artística pela Universidade Federal de Pernambuco, Administração de Empresas e pós-graduada na área de Gestão Escolar, realiza um trabalho ousado que supera grandes desafios.

 

 

 Sonia- Gestora Pedagógica

Sônia Maria Cavalcanti chegou à Escola Cônego Fernando Passos inicialmente como aluna magistranda, foi professora fundadora da nossa Educação Infantil e, posteriormente, tornou-se Coordenadora Geral. Atualmente exerce a função de Gestora Pedagógica.

 

 

Pioneirismo nas mídias on-line

Fruto de um projeto desenvolvido pelo ex-aluno Wallace Campos, nossa escola destoava do cenário educacional da nossa cidade quando teve pioneirismo na criação de um web site com finalidades educativas! De lá para cá, nosso site muito se modificou e evoluiu acompanhando as mais recentes tendências. Observe na imagem a seguir, o primeiro design utilizado no ano de 2004, já naquele tempo um projeto audacioso e robusto:

Primeiro Site 

Direitos reservados à Escola Cônego Fernando Passos
Rua Vigário Joaquim Pinto, 105, Centro, Limoeiro/PE - CNPJ: 10.506.673/0001-71 - Fone: +81 3628.0286
Produzido pela Web Page Commerce © 2004-2016